sábado, 30 de abril de 2016

Ambev : Mantida condenação por terceirização ilícita

Campinas – A Ambev S/A teve a condenação mantida por praticar terceirização de atividade-fim na unidade da empresa em Agudos (SP). A decisão da 1ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região é favorável ao Ministério Público do Trabalho (MPT) em Campinas, autor da ação civil pública contra a companhia. Pelos danos morais coletivos causados, a Ambev deve pagar R$ 1 milhão, reversível ao Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) ou a entidades indicadas pelo MPT.

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Janaína se enrola e apoia argumentos para impeachment de Temer

Ao responder pergunta de Randolfe, advogada pensa que decretos foram assinados por Dilma e exige impeachment. Constrangida, volta atrás no "parecer"
O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) foi protagonista de um momento inusitado durante a participação da advogada Janaína Paschoal, uma das autoras do pedido de impeachment contra Dilma Rousseff, na comissão especial do impeachment do Senado na noite de quinta-feira (29).

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Defesa da Democracia : " 10 de maio é DIA de Paralisação Nacional e Feira de Santana não está fora da agenda" Afirma Dirigente da CUT Bahia

Na manhã desta quinta-feira(28), O Coordenador da Regional da CUT Portal do Sertão e Secretario de Relações de Trabalho da CUT Bahia, Derlan Queiroz foi o entrevista do Programa Jornal do Meio Dia da Radio Princesa FM 96.9 que vai ao ar de segunda a sexta--feira , das 12:00 às 14:00 horas.
Quando questionado pelo Ancora Jorge Bianncchi sobre os os objetivos e as expectativas da paralisação nacional que acontecerá dia 10 de maio de 2016 , o sindicalista respondeu que atenderá o chamado coletivo da CUT após reunião ampliada no ultimo dia 26 de abril que, junto com as frentes amplas construídas através da organização dos movimento sociais, Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo, dia 10 de maio acontecerá uma paralisação nacional onde os movimentos deverão articular no sentido de mandar recado para os senadores e toda força conservadora do País que tenta de qualquer forma , no tapetão, dá um golpe no povo brasileiro e principalmente nos trabalhadores através de um impeachment sem crime e através de uma agenda conservadora PMDB/PSDB/DEM que tenta implantar a "Ponte para o Futuro" que precariza e usurpa os direitos dos trabalhadores.
Questionado mais uma vez sobre o que será feito no dia 10 de maio e como será organizado, o sindicalista respondeu que está mais do que na hora de engrossar o caldo respondendo com mais energia e dureza quanto aos GOLPISTAS do nosso País.
" Os trabalhadores não aceitam e não vão acatar a agenda conservador do Michel Temer e, vamos usar todas as forças necessárias de mobilização da sociedade e da classe trabalhadora em um possível governo de TEMER; Nossa intenção é criar o desconforto para o empresariado do País parando produção de fábricas, parando o comércio, parando o transporte públicos , rodovias dentre outros; vamos continuar defendendo a democracia , lutar contra o GOLPE e colocar o Eduardo Cunha da cadeia" Comentou Derlan Queiroz (dirigente o Sindalimentação/Bahia, Coordenador da Regional da CUT Portal do Sertão e Secretario de Relaçõe do Trabalho da CUT Bahia). " Se os trabalhadores forem GOLPEADOS, o TEMER não terá PAZ" Crava o Sindicalista.

Contra o golpe, MTST promove trancamento de vias em 9 estados

O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto e a Frente Povo Sem Medo promovem trancamento na manhã de hoje (28) em rodovias e avenidas em pelo menos nove estados e no distrito federal em protesto contra o impeachment da presidenta Dilma Rousseff e em defesa dos direitos sociais que, segundo os movimentos, estariam ameaçados caso o vice-presidente Michel Temer assuma a presidência.

Para denunciar o golpe em curso no país, os manifestantes fecharam 13 pontos no estado de São Paulo, dentre eles as principais rodovias como a Raposo Tavares, na altura do km 21, a Anhanguera e a Bandeirantes, ambas na altura do município de Sumaré, o Rodoanel, nas proximidades de Embu das Artes, e a Anchieta, já na capital, próximo ao terminal Ferrazópolis. Eles atearam fogo em pneus e outros objetos para garantir os bloqueios.

quarta-feira, 27 de abril de 2016

CUT aprova calendário de lutas com paralisação nacional no dia 10 de maio

A Direção Executiva Nacional da CUT, em reunião ampliada no dia 26 de abril de 2016 em São Paulo, reitera seu repúdio ao golpe político em curso no país, perpetrado pelas forças conservadoras, e conclama suas bases a continuarem lutando, ao lado das forças democrático-populares, em defesa da democracia e dos direitos. 
No dia 17 de abril, a Câmara dos Deputados aprovou a admissibilidade do impeachment da presidenta Dilma, processo que terá seu desfecho no Senado em poucas semanas ou que poderá se estender pelos próximos seis meses.  O que aconteceu nos últimos dias e o que está para acontecer no futuro próximo revelam o que está em jogo na sociedade brasileira: a tentativa de remover do poder a Presidenta eleita legitimamente por mais de 54 milhões de brasileiros, sob a falsa acusação de crime de responsabilidade. Essa tentativa de usurpar o poder, sem que pese contra a Presidenta nenhuma culpa, é golpe. A CUT o denuncia e o continuará combatendo com todas as suas forças.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Bradesco é processado por discriminação

Maceió – O Banco Bradesco responde a processo por cometer violação a interesses coletivos dos trabalhadores, relacionada à discriminação nas relações trabalhistas. A ação civil pública é de autoria do Ministério Público do Trabalho em Alagoas (MPT-AL). Durante investigações, o MPT-AL confirmou que o banco vincula contratação de empregados à consulta em banco de dados de proteção ao crédito. Em caráter liminar, a instituição pede o fim imediato da irregularidade e requer que o banco deixe de utilizar critérios discriminatórios para seleção de pessoal. A multa requerida para cada ato praticado em desconformidade aos pedidos é de R$ 10 mil.

domingo, 24 de abril de 2016

Construtora é condenada por falta de segurança no local de trabalho


Manaus – O grupo de construção civil Direcional foi condenado pelo descumprimento de normas de saúde e segurança do trabalho. A sentença da 13ª Vara do Trabalho de Manaus resulta de ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho no Amazonas (MPT-AM), em junho de 2015. Pelas irregularidades constatadas, a construtora deve pagar R$ 500 mil em danos morais coletivos. Além disso, o grupo terá de cumprir 38 obrigações referentes à saúde e segurança no trabalho. Caso desobedeça a determinação, a empresa pagará multa diária R$ 1 mil por infração.

sábado, 23 de abril de 2016

Feira de Santana/Bahia : Feijoada da DEMOCRACIA

Nesse domingo (24), o Levante Popular da Juventude e a Consulta Popular estão realizando um grande evento que reunirá militantes progressistas e de esquerda , simpatizantes, todos e todas lutadores e lutadoras defensores da DEMOCRACIA.
O ATO iniciará com a FEIJOADA DA DEMOCRACIA e continuará com muitos diálogos e debates sobre o GOLPE!
Em seu chamamento todos companheiros e companheiras estão sendo convidados conforme nota abaixo:
Neste domingo (24), tem feijoada, afoxé e debate sobre o golpe! Todas e todos convidados pra conversar sobre os rumos do país com a Feijoada da Democracia! E logo depois tem o ensaio geral do Afoxé Filhos da Luz, que se prepara para desfilar na Micareta! Vai ser lindo, lindo! A contribuição para o almoço é 10 reais. A feijoada sera no NUPPLAGA, que fica no bairro George Américo em Feira de Santana-Bahia.

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Grupo JBS pagará mais de R$ 2 milhões por trabalho infantil

Florianópolis - A Justiça do Trabalho julgou parcialmente procedentes os pedidos da Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público do Trabalho de Criciúma, condenando a Seara Alimentos, unidade da JBS com sede em Forquilhinha, no sul de Santa Catarina, em mais de R$ 2 milhões . 
Através da instauração de dois inquéritos civil  pelo procurador do Trabalho Marcelo Dal Pont, o MPT colheu diversas provas de que as empresas contratadas pela Seara (Grupo JBS) para efetuar a apanha de aves se utilizam de mão de obra infantil, inclusive em horário noturno, o que redundou no ajuizamento da citada ação, com o deferimento de tutela antecipada de mérito.

quinta-feira, 21 de abril de 2016

PT agradece apoio de partidos que prezam a democracia: PCdoB, PDT, PSOL e PCO

Foto: Paulo Pinto/Agência PT, via Fotos Públicas
Conheça a nova resolução do Diretório Nacional do PT
Diretório Nacional do PT se reuniu nesta terça (19) ; participaram o ex-presidente Lula e representantes da Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo

quarta-feira, 20 de abril de 2016

" Apesar do resultado, saímos vitoriosos e fortalecidos com a certeza que o único caminho é pela esquerda" Afirmam Dirigentes da CUT Bahia

Derlan Queiroz (CUT Bahia e Sindalimentação/Bahia)
Na tarde da quarta-feira(20) às 13:00 horas, o Secretario de Relações de Trabalho da CUT Bahia Derlan Queiroz e a Vice Presidenta da CUT Bahia Conceição Borges, estiveram em Feira de Santana-Bahia no Programa Jornal do Meio Dia da Radio Princesa FM 96.9.
Conceição Borges (CUT Bahia e Sintraf Feira de Santana)
Na oportunidade da entrevista os sindicalistas debateram o atual momento da conjuntura politica e econômica do País , principalmente sobre o processo de Impeachment da Presidenta Dilma Roussef. 
Para Derlan Queiroz , todo esse processo serviu para fortalecer a unidade dos movimentos sociais do País através da criação de duas grandes frentes amplas que foram a Frente Brasil Popular e Frente do Povo Sem Medo que reúne dezenas de entidades sindicais, movimentos sociais de esquerda e movimentos progressistas de todo País.

terça-feira, 19 de abril de 2016

Bradesco é processado por assédio moral

Maceió – As empresas Banco Bradesco e Bradesco Vida e Previdência são processadas por submeterem trabalhadores a situações discriminatórias e vexatórias. A ação civil pública foi ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho em Alagoas (MPT-AL), após constatação de que corretores de vendas da sucursal do Bradesco em Maceió eram constrangidos constantemente quando não atingiam metas de vendas. Em caráter liminar, o MPT-AL requer a adoção de medidas que coíbam o assédio moral e que todos os superiores hierárquicos do grupo sejam proibidos de constranger, de qualquer forma, os funcionários.

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Rede de farmárcias é processada por desrespeitar TAC

Florianópolis – A distribuidora de medicamentos Dimed, responsável pela rede de farmácias Panvel, deve ser multada em R$ 2,5 milhões por submeter funcionários a jornadas exaustivas. O pedido de execução de multa foi feito pelo Ministério Público do Trabalho em Santa Catarina (MPT-SC), após constatação de descumprimento de termo de ajuste de conduta (TAC). Esse acordo foi firmado pela empresa em 2000. A investigação do órgão verificou que a distribuidora submete empregados a jornadas de até 16 horas diárias.


Também ficou comprovado que a prática de jornada exaustiva é comum entre os empregados da Dimed, sobretudo no Centro de Distribuição. Para o MPT-SC, a empresa também coage empregados a não registrar sua real carga horária de trabalho. Nos anos de 2014 e 2015 foram constatados cerca de 850 casos de empregados com horas extras acima de dez horas por dia. O pedido de execução do TAC foi feito após diversas tentativas de conciliação com a empresa que não tiveram êxito.

domingo, 17 de abril de 2016

Mantida condenação do grupo Ricardo Eletro

Vitória -  A primeira turma do Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região decidiu, por unanimidade, acatar o recurso interposto pelo Ministério Público do Trabalho no Espírito Santo (MPT-ES) e recusar o apelo do grupo Ricardo Eletro. Os recursos se originaram de uma ação civil pública ajuizada pelo MPT contra a empresa, após o recebimento de diversas denúncias de funcionários da prática de assédio moral coletivo cometido pelo gerente de uma loja localizada no município de São Mateus.

sábado, 16 de abril de 2016

Votorantim é condenada por contaminação de trabalhadores

Belo Horizonte - Uma sentença da 6ª Vara do Trabalho de Uberlândia, em ação civil pública de autoria do Ministério Público do Trabalho (MPT), confirma a condenação de seis empresas envolvidas no transbordo de uma carga de carbonato de níquel, que resultou em morte e contaminação de trabalhadores na região de Uberlândia Minas Gerais, em novembro de 2014.


Além de ratificar as obrigações já impostas em liminares deferidas no caso, a sentença condena as empresas Votorantim Metais, GPS Logística e Gerenciamento de Riscos, AGT Transportes, Glaucia de Oliveira Transportes, Suatrans Emergência e Aques Logística a constituir um fundo garantidor no valor de R$ 400 mil, com vistas ao integral cumprimento das obrigações determinadas, como custeio de despesas médicas, exames e medicamentos.

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Mensagem de Lula aos deputados sobre o impeachment

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva gravou nesta sexta-feira (15), em Brasília, uma mensagem ao país e aos deputados sobre a votação da admissibilidade da denúncia do impeachment pela Câmara, que acontece neste domingo. Lula passou a semana conversando com lideranças políticas sobre a necessidade de garantir a democracia e não deixar um golpe acontecer.
Lula alerta aos deputados que o esforço para o país ser reconhecido como uma nação com instituições sólidas pode ser jogado fora por um passo impensado no próximo domingo. E pede que os parlamentares não “embarquem em aventuras, acreditando no canto da sereia dos que sentam na cadeira antes da hora”. E segue: “derrubar um governo eleito democraticamente sem que haja um crime de responsabilidade não vai consertar nada. Só vai agravar a crise”.
Em sua mensagem, Lula reafirma a confiança na vitória da democracia no domingo: “Vamos derrotar o impeachment e encerrar de vez essa crise”. E anuncia que a partir de segunda-feira, independente de cargos, estará empenhado, junto com a presidenta Dilma, para que o Brasil tenha um novo modo de governar. “Nessa próxima etapa, vou usar minha experiência de ex-presidente para ajudar na reconstrução do diálogo e unir o país”.
Informações Site : Unidade na Luta
Assista a fala de Lula em:

Mantida condenação do grupo Ricardo Eletro


Vitória -  A primeira turma do Tribunal Regional do Trabalho da 17ª Região decidiu, por unanimidade, acatar o recurso interposto pelo Ministério Público do Trabalho no Espírito Santo (MPT-ES) e recusar o apelo do grupo Ricardo Eletro. Os recursos se originaram de uma ação civil pública ajuizada pelo MPT contra a empresa, após o recebimento de diversas denúncias de funcionários da prática de assédio moral coletivo cometido pelo gerente de uma loja localizada no município de São Mateus.
No acórdão, a turma julgadora confirmou a sentença proferida pela Vara do Trabalho de São Mateus/ES, apresentando decisão favorável ao MPT. A ação, em primeiro grau, condenou o grupo a pagar uma indenização no valor de R$ 300 mil por dano moral coletivo. Os funcionários se depararam com situações de humilhação, xingamentos, agressões físicas, calúnia, punições indevidas e estratégias de gestão constrangedoras.

quinta-feira, 14 de abril de 2016

NESTLÉ : Na Bahia, 817 trabalhadores vão as urnas e aprovam Acordo Coletivo de Trabalho 2016

Durante todo o dia da quinta-feira (15), a direção do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins do Estado da Bahia - SINDALIMENTAÇÃO/Bahia estive em assembleia com os trabalhadores frentes as unidades fabris do Estado da Bahia nas cidades de Feira de Santana e Itabuna.
Na assembleia os dirigentes sindicais dialogaram com os trabalhadores sobre o processo de negociação deste ano, informaram sobre a reunião que aconteceu na FELATRAN em São Paulo com a direção da empresa no dia 11 de abril onde tratou sobre o processo de periculosidade e insalubridade dos trabalhadores eletromecânicos.
Como de costume, os 817 trabalhadores que foram as urnas e, por meio de votação através de escrutínio secreto, decidiram pela aceitação do Acordo Coletivo de Trabalho - ACT 2016/2017 com o seguinte resultado após escrutinação dos votos de FEIRA DE SANTANA E ITABUNA:

1) 539 trabalhadores disseram SIM pela aprovação , correspondente a 65,97 % dos que votaram;
2) 275 trabalhadores disseram NÃO pela aprovação, correspondente a 33,66% dos que votaram;
3) 002 trabalhadores optaram por votar NULO, correspondente a 0,25% dos que votaram;
4) 001 trabalhador optou por votar em BRANCO, correspondente a 0,12 % dos que votaram.

Presidente da FIESP: “não precisa de uma hora do almoço”

Durante entrevista ao jornalista Fernando Rodrigues, da UOL, o vice-presidente da FIESP e diretor-presidente da CSN, Benjamin Steinbruch declarou que os trabalhadores não deveriam ter horário para almoço.
“Não precisa uma hora do almoço […] Você vai nos Estados Unidos, você vê o cara almoçando, comendo o sanduíche com a mão esquerda, e operando a máquina com a direita. Tem 15 minutos para o almoço, entendeu? […] Por que a lei obriga que tenha que ter esse tempo?”, declara o presidente.
Além disso, ele diz sobre o fim de direitos básicos, como a “flexibilização” da jornada de trabalho, assim como da idade mínima para trabalhar.

quarta-feira, 13 de abril de 2016

Congresso golpista prepara o bote: 55 projetos ameaçam nossos direitos

O Congresso Nacional tem a pior e mais reacionária composição desde o fim da ditadura militar. Os parlamentares que querem derrubar na marra a presidente Dilma Rousseff, através de um processo de impeachment sem crime de responsabilidade e, portanto, de cunho golpista, são os mesmos que atacam o cidadão brasileiro com projetos que podem fazer o nosso país retroceder décadas em relação aos direitos humanos, sociais e trabalhistas, bem como no que diz respeito à soberania nacional e a democracia.
"Desde 1988, ano de promulgação da Constituição Cidadã, mesmo em governos com compromissos neoliberais, não se identificou um número tão expressivo de proposições tramitando no Congresso Nacional que representassem retrocesso e ameaça a direitos e à democracia", alerta o Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), que identificou pelo menos 55 projetos em curso na Câmara dos Deputados e do Senado Federal que tiveram movimentação nos últimos anos e/ou foram identificadas pelo órgão em razão da relevância e grau de polêmica dos temas envolvidos.

terça-feira, 12 de abril de 2016

Distribuidora de filmes é condenada por assédio moral

Recife – A distribuidora de filmes Orient Cinemas, localizada no River Shopping Petrolina, foi condenada por assédio moral, registro incorreto de jornada e falta de pagamento de horas extras. A sentença tem base em ação ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho em Pernambuco (MPT-PE). A Vara do Trabalho de Petrolina (PE) determinou que a empresa corrija as irregularidades e pague R$ 30 mil em danos morais coletivos.

Em caso de descumprimento da sentença, a Orient Cinemas terá de pagar R$10 mil por item infringido, além de R$ 1 mil por trabalhador prejudicado. O valor da indenização por dano moral e das multas deve ser revertido ao fundo de amparo ao trabalhador (FAT).
A Justiça também determina que a distribuidora promova o acompanhamento dos empregados que tenham praticado assédio moral, buscando impedir que ocorram novos casos. A empresa também está obrigada a promover campanhas periódicas sobre o tema para os funcionários. Esses eventos devem ocorrer pelo menos duas vezes ao ano.

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Cunha na Cadeia : Procuradoria pede 184 anos de prisão para cunha

Na denúncia feita ao Supremo Tribunal Federal contra o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pede 184 anos de prisão ao parlamentar.
Para chegar ao cálculo, ele cita casos de corrupção em ao menos dois episódios e mais de 60 casos diferentes de lavagem de dinheiro. Levando em conta a soma mínima de cada um dos crimes, a conta chegaria a 184 anos. No entanto, na prática, ele ficaria 30 anos em regime fechado, o máximo permitido pela legislação.

domingo, 10 de abril de 2016

Multinacional é condenada por omitir acidentes

Pouso Alegre (MG) –  A empresa de equipamentos agrícolas IES do Brasil, também conhecida como Siac do Brasil, foi condenada ao pagamento de R$ 500 mil em danos morais por subnotificar acidentes de trabalho. A decisão resulta de ação civil pública de autoria do Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pouso Alegre e confirma liminar obtida pela MPT em julho de 2015. A sentença foi determinada pela Vara do Trabalho de Guaxupé (MG) e ainda cabe recurso da decisão.
O procurador do Trabalho Paulo Crestana, que atuou no caso, explica que o MPT constatou que a empresa registrava apenas ocorrências graves por meio da Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT). “Ocorrências classificadas pela própria empresa como de menor gravidade eram registradas em um controle paralelo que continha dezenas de casos, que não chegavam ao conhecimento do Ministério do Trabalho e Previdência Social”, diz o procurador.

sábado, 9 de abril de 2016

McDonald's proibido de praticar assédio moral

Goiânia - O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Goiás obteve, na Justiça do Trabalho, liminar que obriga as franquias do McDonald’s em Goiânia e Aparecida de Goiânia (GO) a adequarem-se às normas trabalhistas, sob pena de multa. A decisão, da 12ª Vara do Trabalho de Goiânia, determina que a empresa deixe de constranger e desrespeitar seus empregados.
Após denúncia, foi constatado pelo MPT, no McDonald’s da praça do Ratinho, a prática de assédio moral contra os empregados, que, entre outros constrangimentos, eram tratados com brutalidade pelos superiores e não podiam, durante a jornada, ir ao banheiro ou beber água.
Já outra denúncia, dessa vez relativa à unidade da avenida Jamel Cecílio, relatava que os empregados não recebiam equipamentos de proteção individual (EPIs) para o desempenho de suas funções - o que ficou confirmado em fiscalização promovida pela Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE) em Goiás.

sexta-feira, 8 de abril de 2016

Emboscada a acampamento do MST no Paraná deixa dois mortos e vários feridos

Por volta das 15h desta quinta-feira (7), uma emboscada contra o acampamento Dom Tomás Balduíno, em Quedas do Iguaçu, região centro do Paraná, deixou dois mortos e pelo menos 6 feridos, conforme informações do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). De acordo com o Movimento, seguranças e jagunços da madeireira Araupel participaram da ação, junto com a Polícia Militar.
“Em torno de 15 pessoas desceram para fazer vistoria numa área ocupada e havia pessoas do Bope [Batalhão de Operações Policiais Especiais] e da Polícia Militar. Não sabemos de fato quantas pessoas estão mortas e quantas estão baleadas porque a polícia agora não nos deixa chegar perto”, afirma o dirigente do movimento na região, que preferiu não se identificar. 

quinta-feira, 7 de abril de 2016

" Nossa pré candidatura a Prefeito de Governador Mangabeira não foi retirada " afirma Derlan Queiroz


O Sindicalista e ex Secretário Municipal de Meio Ambiente, Primeiro Suplente de Vereador e Pré Candidato a Prefeito pelo PT de Governador Mangabeira-Bahia Derlan Queiroz, esteve em Salvador na manhã de ontem (06) acompanhando a comitiva da Presidenta Dilma Rousseff e dialogou com algumas lideranças Petistas Estaduais  e Nacionais.
Em sua conversa, o Sindicalista que também é dirigente da executiva do Partido em Governador Mangabeira desabafou:
"Neste final de semana fomos surpreendidos pela informação a Pre Candidatura do Partido dos Trabalhadores de Governador Mangabeira foi retirada para apoio ao nome do candidato da Prefeita que está filiado ao PRB" . Desabafou Queiroz
Ainda em sua fala, Derlan Queiroz disse : " Primeiramente quero deixar Claro para todo município que não há nenhuma decisão minha nem do Partido para retirada da Pré Candidatura;  em segundo, se alguém está falando pelo PT e realizando articulações para composição de grupo, está desautorizado até pelo Partido a nível Municipal, ESTADUAL e Nacional pq existe uma resolução que o PT não coliga com PARTIDOS GOLPISTAS e com Partidos que são a favor do IMPEACHMENT da Presidenta Dilma Rousseff" . 
"Estive em Salvador na manhã de quarta feira (06) para uma atividade com a Presidenta Dilma Rousseff e dialoguei com a Presidente Estadual do Partido Everaldo Anunciação e o mesmo me Autorizou dizer que o PT não faz coligação com PRB por que até o momento o comportamento deste partido é GOLPISTA e apoia o IMPEACHMENT" Disse Derlan Queiroz.
"Como EU sou um PETISTA de verdade, vou lutar até o final para defender a DEMOCRACIA e lutar contra o GOLPE, contra o IMPEACHMENT e contra coligações com partidos GOLPISTAS" Cravou o Sindicalista e Pré candidato ao Prefeito pelo PT de Governador Mangabeira-Bahia

A Juventude não aceita GOLPE!, Por Edjane Rodrigues (Secretaria Nacional de Juventude da CUT)

O dia 31 de março de 2016 ficará marcado como o dia em que o golpe foi barrado nas ruas, diferentemente de 52 ano atrás, quando houve o golpe civil militar, colocando o país sob regime autoritário, onde os militares e as elites derrubaram com golpe as reformas de base de interesse das classes populares. O mesmo cenário se repete na atualidade, onde os direitos democráticos, de liberdade e humano estão sob ameaça.
Empresários, banqueiros, latifundiários, parlamentares de partidos derrotados nas eleições, grupos religiosos, setores do judiciário e a mídia comercial, representada pela rede Globo e Editora Abril, estão se posicionando como um partido.
Desses setores, há a difusão de informações tendenciosas e manipuladoras que visam dar tom de legitimidade ao golpe contra a presidenta, desrespeitando a Constituição Federal, já que Dilma não cometeu qualquer crime. Por mais que se critique a condução do governo, nada justifica a derrubada dele por meios ilícitos.

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Multa da JBS é revertida para combate ao trabalho escravo

Cuiabá - A empresa frigorífica JBS, dona das marcas Friboi e Seara, terá de pagar uma multa de R$ 350 mil  por irregularidades na jornada de trabalho dos empregados da planta localizada no município de Confresa, a 738km de Cuiabá. O valor da multa, prevista em caso de descumprimento do Termo de Ajusta de Conduta (TAC) assinado com o Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso (MPT-MT), será destinado ao Projeto Ação Integrada, que promove no estado ações de resgate da cidadania de egressos dos trabalho escravo ou vulneráveis a tal exploração.Em 2014, a JBS em Confresa assinou um TAC se comprometendo, entre outras obrigações, a parar de prorrogar a jornada de trabalho de seus empregados por mais de duas horas diárias, limite previsto no art. 59 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e que tem o objetivo de preservar a saúde física e mental dos trabalhadores. Entretanto, ficou comprovado, em fiscalização realizada pelo MPT em Água Boa, que a empresa não havia abandonado totalmente a prática.

terça-feira, 5 de abril de 2016

Eurofarma firma acordo para regularizar jornada

Natal – A Eurofarma Laboratórios firmou acordo judicial para corrigir irregularidades na aferição da jornada de trabalho de seus representantes farmacêuticos. Os termos do documento, homologado na 11ª Vara do Trabalho de Natal, foram firmados com o Ministério Público do Trabalho no Rio Grande do Norte (MPT-RN). O acordo prevê que a empresa pague R$ 200 mil por danos morais coletivos, além de multa diária de R$ 10 mil, caso descumpra as obrigações determinadas na sentença. Dentre as medidas que devem ser cumpridas em nível nacional pela Eurofarma estão: adequar o sistema de marcação de ponto online para não restringir ou eliminar dados da jornada registrada pelo empregado; autorizar e possibilitar o registro real da jornada de trabalho; conceder aos representantes farmacêuticos intervalo intrajornada, para repouso e alimentação.

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Empresas eólicas são processadas por dumping social

Recife – As companhias Eurogruas Serviços Eólicos do Brasil e GE Water & Process Technologies do Brasil, ligadas à montagem de torres eólicas no agreste de Pernambuco, são alvo de processo por dumping social, prática que consiste na redução de direitos trabalhistas para a maximização do lucro. A ação civil pública foi ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho em Pernambuco (MPT-PE), no dia 21 de março. O órgão propõe indenização de no mínimo R$ 300 mil por danos morais coletivos e R$ 700 mil por dumping social. Caso as irregularidades persistam, o MPT-PE propõe que as empresas sejam multadas em R$ 5 mil por trabalhador prejudicado.
O processo foi ajuizado após investigações constarem irregularidades na jornada de trabalho dos empregados da Eurogruas, que presta de serviços terceirizados para a GE. 

domingo, 3 de abril de 2016

STR Santa Luz/ Bahia : Com vantagem esmagadora, Zé Hamilton é reeleito e reconduzido para presidir o SINDICATO


No sábado (02), aconteceram as eleições para escolha da diretoria que irá conduzir o SINDICATO dos Trabalhadores Rurais de Santa LUZ - Bahia no quadriênio 2016-2020.

No pleito, duas chapas concorreram na disputa da entidade. A Chapa CUTista - Chapa 1 e a outra chapa - Chapa 2.
Durante todo o dia de sábado (02), muita movimentação em toda cidade na sede e na zona rural onde os trabalhadores compareceram as 26 urnas existentes para coleta dos votos dos associados do balcão e dos aposentados.
" Queremos parabenizar todos e todas pela belíssima organização do processo eleitoral; esse foi mais um exemplo do exercício da democracia onde duas chapas concorreram e todo o processo aconteceu na maior lisura , transparência e legalidade " Comenta Derlan Queiroz ( Secretário de Relações do Trabalho da CUT Bahia e dirigente do SINDALIMENTACAO/Bahia).
" Apesar de existir duas chapas, essa foi uma eleição tranquila; todos puderem capitalizar seus votos e no final o resultado se deu para quem realmente demonstrou um maior e melhor trabalho; tanto a assessória da CHAPA 1 quanto da CHAPA 2 acompanharam desde abertura até a finalização do processo eleitoral e referendaram a CHAPA 1 como vencedora após o escrutínio dos votos que encerrou na noite de sábado (02) depois das 21:00 horas" Comentou Conceição Borges ( Vice-Presidenta da CUT Bahia e dirigente do SINTRAF Feira de Santana)
Após o escrutínio dos votos foram computados 1.523 VOTOS, sendo:
Chapa 1 : 1.096
Chapa 2 :    409
Nulos :          12
Brancos :      06
A CUT Bahia estava representanda pelos dirigentes Derlan Queiroz ( Secretário de Relações do Trabalho) e Conceição Borges ( Vice-Presidenta). Alem da CUT, o processo eleitoral contou com outros importantes apoios a Exemplo da FATRES, dirigentes dos STR e de SINTRAF dos municípios de Retirolândia, Ichu, Nordestina, Queimadas,Conceição do Coité, Valente, Serrinha e do Sindalimentação-Bahia.

sábado, 2 de abril de 2016

CUT Bahia presente no municipio de Santa LUZ em apoio as eleições do STR com a Chapa 1


Durante todo dia deste sábado (02), a direção da Central Única dos Trabalhadores - CUT/Bahia , esteve em apoio a Chapa 1 nas eleições do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Santa Luz - Bahia.
No processo eleitoral deste ano, duas chapas concorrem ao pleito. A chapa CUTista com o número 1 que é encabeçada pelo companheiro Zé Hamilton e a outra chapa que é a número 2.
A direção da CUT Bahia esteve representada pela Vice- Presidenta Conceição Borges e pelo Secretário de Relações do Trabalho e dirigente do Sindalimentação-Bahia Derlan Queiroz. Além dos dirigentes da CUT Bahia, a chapa 1 contou com apoio de dirigentes de outros Sindicatos a exemplo de Cawboy Neto do SINDALIMENTACAO Bahia, dirigentes dos SINTRAF e STR de Coité, Aracy, Serrinha, Valente, Queimadas, Feira de Santana, Nordestina e Retirolândia.
Após o encerramento , os VOTOS serão escrutinados e a categoria já saberá o resultado do pleito ainda na noite deste sábado (02).

sexta-feira, 1 de abril de 2016

Cargil faz acordo em inquérito sobre morte de trabalhadores

Cuiabá - O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Água Boa destinou cerca de R$ 120 mil ao Conselho Tutelar e ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) de Canarana, a 633 km de Cuiabá, para melhorias na estrutura e no atendimento oferecido pelas entidades à população da região. A cidade possui, hoje, cerca de 20 mil habitantes.
O valor será utilizado para a aquisição dos bens como veículos, mobiliário e equipamentos de informática. No total, o acordo estabeleceu o pagamento de indenização de R$ 230 mil  por danos morais coletivos, sendo que os outros R$ 110 mil serão destinados ao Projeto de Qualificação Ação Integrada.