terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Paulo Paim decide permanecer no PT


O senador Paulo Paim decidiu permanecer no Partido dos Trabalhadores. Paim, crítico da política do governo federal, especialmente a partir do início do segundo mandato do governo Dilma esteve reunido nesta segunda-feira com a direção estadual do partido, em Porto Alegre. 
Após a conversa, ele se dirigiu para Canoas, base política para avaliar o documento entregue pelo PT onde o partido deu aval para o senador votar de acordo com a sua consciência em temas polêmicos. 
"A nossa posição é de que continuamos no PT para seguirmos nossa caminhada", declarou.
O ex-governador Olívio Dutra, que participou do encontro disse ao senador que quem deveria sair do PT não era ele (Paim), mas aqueles que cometeram erros. 
Paim disse que o PT do Rio Grande do Sul assume as causas defendidas por ele, como a dos aposentados e deficientes. 
O encontro ocorreu na sede do PT no Rio Grande do Sul. Entre os participantes, além do presidente estadual, Ary Vannazi, estavam o ex-prefeito de Porto Alegre Raul Pont e o ex-governador Olívio Dutra.Informações : Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário