sábado, 17 de outubro de 2015

Representantes da CUT afirmam que membros da CTB estão tentando tomar base sindical de Jacobina


Na tarde desta sexta-feira, 16 de outubro de 2015, houve um enfrentamento entre a CUT (Central Única dos Trabalhadores) e a CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil) defronte a empresa Torres Eólicas do Nordeste (TEN) na Serra do Tombador em Jacobina.
A CUT luta pelos direitos do sindicato STIM - Feira de Santana e Região que tem sua base anexa ao Sindicato dos Mineiros em Jacobina, e é legalmente perante ao MTE - Ministério do Trabalho e Emprego, a representante da categoria dos metalúrgicos da região. Josenilton Ferreira, o Cebola da CUT falou a nossa reportagem que representantes do sindicato STIM Bahia filiado a CTB tentam fundar um sindicato intermunicipal afim de tomar a base que é de direito do  STIM - Feira de Santana e Região, o que ficou provado em uma 'Reunião de Mediação Coletiva" no mês de agosto, na Superintendência do Trabalho e Emprego da Bahia. 
Membros da CTB tentaram impedir a entrada de ônibus com funcionários para fazer uma assembleia, pra daí então fundar o sindicato e assumir a base. Durante entrevista, Cebola falou que a tentativa será em vão, pois a CTB não conseguiu juntar 6 funcionários, e os que compareceram lhe ofereceram cargos na diretoria, o que dá uma espécie de estabilidade de 5 anos no trabalho.

Durante o encontro, houve empurra-empurra e muito bate boca entre os membros das instituições, enquanto ônibus deixam a fábrica levando funcionários.

O caso deverá ir pra justiça e Cebola alega que os representantes da CTB vem tentando invadir divisas em outras regiões com a mesma prática, que é aliciar pessoas e coloca-las como laranjas à frente de novos sindicatos, tendo dessa forma controle total.

Em contato com advogado Dr Almir Queiroz Farias do sindicato STIM - Feira de Santana e Região, o mesmo nos informou que: "O STIM Bahia, num claro ato de retaliação, com o uso de alguns trabalhadores da referida empresa, com o intuito de retirar a qualquer custo da base territorial do STIM - Feira de Santana e Região, o município de Jacobina, convocou esta assembleia para esta sexta (16) às 16:15h e 16:45h, em primeira e segunda convocação, com o intuito de criar um Sindicato com base territorial intermunicipal, para representar os trabalhadores metalúrgicos dos municípios de Jacobina, Morro do Chapéu, Irecê, Juazeiro, Senhor do Bonfim, Ponto Novo e outros. 

O Bacharel disse ainda que: Às contradições são muitas, por exemplo como os trabalhadores dos citados municípios poderiam participar de uma assembleia convocada em horários incompatíveis com seus horários de trabalho e em local que em alguns casos dista de mais de 100 Km dos mencionados municípios? Já que as deliberações da assembleia iriam ocasionar prejuízos ao STIM - Feira de Santana e Região com a supressão dos municípios de Jacobina, Juazeiro e outros da base territorial do referido Sindicato, por que não foi discutido previamente com o STIM - Feira de Santana e Região a proposta de desmembramento da sua base territorial ? .... Portanto, resta cristalina a visão e prática sindical utilitarista, aparelhista e divisionista desse grupo que tentou em vão, sem o apoio da maioria dos trabalhadores, fundar uma entidade sindical". Veja a ata da reunião no MTE clicando AQUI!
Fonte: Augusto Urgente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário