segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Após ter texto vetado por declarar voto a Dilma, Xico Sá pede demissão da Folha

Após ter um artigo vetado no jornal Folha de S. Paulo, o jornalista e escritor Xico Sá pediu demissão da publicação. No texto, que sairia em sua coluna do caderno de Esporte no último sábado (11), ele declarava voto à presidente Dilma Rousseff (PT). No dia em que a coluna seria publicada, ele escreveu em seu perfil no Twitter uma série de postagens sobre a relação entre a imprensa e a política. “Phoda-se o PT, a merda é q ñ há a mínima manchete contra os outros. ai tá a putaria jornalística e eu,lá de dentro, sei cuma funciona”. Em outro momento, chegou fazer referência à revista Veja. “Nego acha q por trabalhar na imprensa burguesa desde os 18 anos ñ posso ser contra a orientação política dos chefes. oxi,ai q devo ser mesmo. um dia ainda vou contar tudo q a imprensa ñ deixa sair se for contra a orientação política dos grandes jornais. só podem os reinaldões etc”, apontou.
Em resposta ao site Brasil 247, que noticiou seu pedido de demissão, o editor-executivo do jornal, Sérgio Dávila, confirmou o ocorrido. “Sim, Xico Sá pediu demissão da Folha. Em sua última coluna semanal, que seria publicada no sábado 11/10 no caderno Esporte, ele declarava voto num dos candidatos à corrida presidencial, o que fere a política do jornal, segundo a qual os colunistas devem evitar fazer proselitismo eleitoral em seus textos. Se quiserem, podem escrever artigo em que revelam seu voto e defendem candidatura na pág. A3 da Folha. Esta opção foi dada a Xico Sá, que recusou a oferta”, explicou.  Em sua página no Facebook, o jornalista também ratificou, em resposta a um amigo, que pediu para sair do jornal.  “Como disse agorinha aqui, ñ quero sair por ai culpando pessoas, até pq em matéria de santidade tô lascado também.a santidade do cronista é . prefiro refletir. depois escrevo sobre o assunto ponto a ponto, com calma. nao desejo q façam uso político disso - o q ja tem sido inevitável (rs). momento eleitoral é uma passionalidade da gota. e eu q pedi para sair, como diziam no tropa de elite. Rs”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário