terça-feira, 29 de julho de 2014

CUT Bahia intensifica luta pela defesa do Plebiscito Popular por uma Constituinte Exclusiva e Soberana.

Na tarde desta segunda-feira (28), sindicalistas da CUT, militantes dos movimentos populares, profissionais de comunicação e de mídias alternativas, participaram de uma Plenária realizada durante a 14ª Plenária Nacional, em Guarulhos, São Paulo, que teve como objetivo central defender e impulsionar o Plebiscito Popular por uma Constituinte Exclusiva e Soberana sobre o sistema político. 

O Plebiscito Popular será realizado entre os dias 1º e 7 de setembro de 2014, e na ocasião, a população brasileira será chamada a votar em resposta à seguinte pergunta: “Você é a favor de uma constituinte exclusiva e soberana sobre o sistema político?”


Cada estado assume o compromisso de defender e desencadear a campanha. A CUT Bahia e os sindicatos filiados têm defendido essa bandeira e sai na frente mais uma vez: “Na Bahia temos avançado muito e estamos andando com uma boa sintonia junto aos movimentos sociais e populares. Estamos construindo um bom debate com a Consulta Popular e com o Levante Popular da Juventude está sendo intensificado o debate dentro do próprio CRB. Fizemos lançamento nas fábricas, o curso dos Mil em Feira de Santana e acontecerá outro no dia 02 de agosto.
A CUT também estará realizando mais um debate/curso no dia 16 de agosto onde reunirá os seus dirigentes sindicais de todo o Estado junto com os movimentos populares e sociais", relatou Derlan Queiroz (Dirigente do Sindalimentação/Ba e Coordenador da CUT Regional Portal do Sertão).
De acordo com o dirigente, nos últimos meses, a Bahia tem se empenhado para promover a mobilização da campanha em todos os meios de comunicação. “Estamos comprometidos em defender o Plebiscito em toda a Bahia. Utilizamos mídias alternativas, rádio, boletins do sindicato, site da CUT-Bahia, além de promover diversas atividades de mobilização dentro da sociedade”, garantiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário