segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Meias de compressão são alternativas para evitar varizes e diminuir inchaço nas pernas

A situação aparece quando a pessoa no fim do dia tira os sapatos e ver as marcas das meias e o inchaço nas pernas. Para tratar o problema, muitos recomendam as meias de compressão. Porém, é preciso ter cuidado. O ideal é comprar a meia apenas com a indicação médica e em lojas especializadas, que medem a circunferência do tornozelo, da panturrilha e das coxas. De maneira geral, a meia de compressão suave é usada para prevenir problemas como varizes e vasos pequenos; a média é indicada para quem já tem varizes ou trombose; já a meia de alta compressão ajuda a tratar inchaços muito fortes ou problemas linfáticos mais graves. Segundo o cirurgião vascular Pedro Puech, as pernas podem inchar por vários motivos, como problemas cardíacos ou renais, obesidade e principalmente por causa da dificuldade de bombeamento de sangue na panturrilha. Outros fatores que podem contribuir para o inchaço são a menstruação, que aumenta o estrogênio e diminui a eliminação de líquido pelos rins, e também a gravidez.
O ginecologista José Bento diz que no caso das grávidas é importante também usar a meia elástica, que ajuda a diminuir inchaço. Elas podem incomodar e esquentar, mas segundo o médico, são importantes para a saúde. Outros cuidados também podem ajudar a diminuir o inchaço das pernas como atividade física, dieta com pouco sal e drenagem linfática também podem diminuir o inchaço nas pernas. Colocar as pernas para cima e movimentar a panturrilha caso o paciente fique muito tempo sentado ou em pé também são bons hábitos. Informações do Bem Estar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário