segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Itabuna: Com dívida de R$ 8,5 mi, prefeitura pede na Justiça devolução de prédio onde funciona FTC

A prefeitura de Itabuna acionou a Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) na Justiça para cobrar uma dívida de R$ 8,5 milhões em aluguéis e impostos não pagos, e ainda solicitar a devolução do prédio público onde a aulas da instituição privada de ensino superior são ministradas. De acordo com reportagem do site Pimenta na Muqueca, a FTC, que ocupa o espaço há pouco mais de 10 anos, deveria pagar R$ 12 mil mensais ao Município, mas deixou de pagar R$ 213 mil e deve outros R$ 8,3 milhões em impostos. Na ação, a prefeitura alega que, pelas dimensões e localização do imóvel, o aluguel deveria ser superior a, pelo menos, R$ 130 mil por mês. O prédio tem seis andares e está localizado na Praça José Bastos, no centro da cidade.
No processo, é citado que “além de não cumprir regularmente com as suas obrigações contratuais de pagamento mensais ajustados, não honra as exigências tributárias, de modo que atualmente responde a processos de execução fiscal”. Ainda segundo a administração itabunense, o contrato de concessão do prédio à FTC está vencido e, por conta dos débitos, a faculdade ocupa o imóvel ilegalmente. A FTC ainda não se pronunciou sobre o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário