quinta-feira, 13 de junho de 2013

Cruz: Espada nas ruas terá 'tolerância zero' durante São João, diz MP

A fiscalização da Polícia Militar contra os praticantes da tradicional ‘Guerra de Espadas’, antiga tradição durante os festejos juninos em Cruz das Almas, no Recôncavo baiano, será redobrada este ano. A decisão foi anunciada pelo promotor de Justiça da cidade, Christian Ribeiro de Menezes, em entrevista coletiva realizada nesta quarta-feira no Fórum. De acordo com o promotor, não será tolerada nenhuma artefato nas vias públicas durante os dias de festa. “Este ano a fiscalização da polícia será tolerância zero. O esquema será forte. Não serão permitidas espadas em nenhum lugar da cidade”, garantiu. Até o ano passado, a prática ainda era permitida em algumas ruas da cidade. “Duas ruas foram liberadas para os espadeiros brincarem, mas com o tempo o número de espadas aumentou muito e ameaçou a segurança das pessoas e do patrimônio público”, disse.
A proibição enfrenta resistência de espadeiros. Ainda segundo o promotor, o grande problema é o uso da espada como arma. “Alguns espadeiros utilizam as espadas para praticar crime. Tem o propósito de queimar casas, pessoas, animais, monumentos e usa do argumento que é pela tradição”, condenou. Bahia Noticias

Nenhum comentário:

Postar um comentário