terça-feira, 30 de abril de 2013

Ex-pagodeiro Waguinho deve se entregar à polícia a qualquer momento


Com mandado de prisão decretado desde o dia 18 de abril, pela 11ª Vara de Família do Rio de Janeiro, Waguinho deve se entregar a qualquer momento. 
Uma fonte de O Fuxico revelou que o ex-pagodeiro e atual pastor da Assembleia de Deus dos Últimos Dias, não tem mesmo como pagar os R$ 103 mil de pensão que deve e que foi determinados pela Justiça. Waguinho tentou um acordo de R$ 45 mil (valor arrecadado com uma 'vaquinha' na igreja), negado pela autora do processo, a modelo Solange Gomes, com quem o cantor teve uma filha Stephanie, de 13 anos. 
“Definitivamente ele não tem como pagar este valor. Waguinho já planeja evangelizar os detentos e vai se entregar a qualquer momento. Esse é o melhor a ser feito”, disse a fonte.
 
O processo corre em segredo de Justiça. Solange pede o pagamento mensal referente a sete salários mínimos. Waguinho se propõe a pagar um salário, como faz com os outros três filhos que não vivem com ele (são cinco crianças, no total). Além deste valor, o ex-sambista paga o colégio de Stephanie, cuja mensalidade é de R$ 850.

Nenhum comentário:

Postar um comentário