sábado, 20 de outubro de 2012

" SALVADOR NÃO PODE TER UM GOVERNO PEQUENININHO " ARREMATOU DILMA ROUSSEFF



O comício promovido pela coligação “Todos juntos por Salvador”, do candidato Nelson Pelegrino (PT), com a presença da presidente Dilma Rousseff (PT) surpreendeu àqueles que duvidaram da participação popular em função do choque de horário com o último capítulo da novela “Avenida Brasil”, da Rede Globo. O evento aconteceu na noite desta sexta-feira (19), no Campo da Pronaica, Cajazeiras XI, periferia de Salvador.


O entusiasmo da presidente, que é reconhecida menos pela capacidade oratória que pela técnica administrativa, foi grande, mas ao discursar acabou dando pólvora para o adversário de Pelegrino, ACM Neto (DEM). No primeiro debate deste segundo turno, o representante do DEM perguntou ao petista se seria perseguido pela presidente e pelo governador caso fosse eleito. Pelegrino não respondeu. Dilma, sim.

“O meu governo é um governo do bem, que não gosta de perseguição. Não gosta de vingança. Não de gente que discrimina. Porque ninguém ganha sozinho. Eu não vou falar mal de ninguém, eu vou falar bem do Pelegrino. Vim falar que o meu governo tem um objetivo, não é só construir ponte, estrada, metrô, UPAs, creches, o meu governo tem o objetivo de mudar a vida de cada um de nós. Melhorar a vida de cada um de nós”.


Ato contínuo, a presidente resolveu disparar contra os adversários. Não citou nome, mas deu o recado. “Tem gente que votou contra a Lei de Cotas, que entrou na Justiça para acabar com a Lei de Cotas. Tem gente que falou que Bolsa Família era o Bolsa Esmola. Que acha um absurdo a gente financiar casa, subsidiando para a população que não tem salário suficiente para pagar sua própria moradia. Tem gente que dizer que nós não podíamos, nem devíamos, abrir as escolas particulares para a população mais pobre do país. Nós abrimos e hoje mais de 1 milhão de jovens tem acesso a universidade através do Prouni. Que nós não devíamos fazer o metrô vir até Cajazeiras, mas nós achamos e teimamos que o metrô tem que chegar em Cajazeiras”.
Para encerrar a presidente convocou. “Nós temos que ganhar esta eleição para o time ficar completo. Eu fiquei muito feliz de ver o Da Luz (PRTB), Mário Kertész e Márcio Marinho (PRB) apoiando Pelegrino. Este conjunto de forças pode fazer um bom governo em Salvador. Nós queremos uma prefeitura que honre a importância da Bahia. Aqui não pode ter um governinho, um governo pequenininho. Nós tempos que ter um grande governo. Integrado”.

Fotos: Gilberto Júnior // Bocão News

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário