quinta-feira, 30 de agosto de 2012

TRE NÃO DÁ CONTA DA PROPAGANDA IRREGULAR


Neste período, 2.057 placas foram apreendidas, 1.494 pinturas foram retiradas, além de banners e cartazes, e 389 processos já foram instaurados
Vale tudo para se destacar aos olhos do eleitor. Desde o dia 6 de julho, quando passaram a ser permitidas as campanhas eleitorais de 2012 nas ruas da cidade, candidatos não se intimidam diante da possibilidade de sofrer multas de até R$ 30 mil pela divulgação de propaganda irregular e espalham cartazes e pinturas por toda parte. Neste período, 2.057 placas foram apreendidas, 1.494 pinturas foram retiradas, além de banners e cartazes, e 389 processos foram instaurados contra os infratores pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/BA). Mas o númeroque pode parecer alto – ainda não reflete a realidade das ruas, que não consegue ser captada pela única equipe do TRE/BA que é responsável pelas vistorias feitas em Salvador. A equipe de fiscalização do tribunal que tem a tarefa de percorrer todos os bairros da capital é composta por apenas dois oficiais de justiça, um único servidor de cartório e um motorista. As informações são do A tarde

Nenhum comentário:

Postar um comentário