terça-feira, 28 de agosto de 2012

ALUNA DIZ QUE APANHOU E TEVE DEDO QUEBRADO APÓS DISCUSSÃO EM ESCOLA


Uma adolescente de 16 anos acusa a mãe de uma colega de escola e mais quatro homens de terem a agredido dentro de uma escola estadual de Feira de Santana. Ela conta que sofreu agressões após discutir com uma colega de 17 anos dentro da sala de aula na segunda-feira (27).
Segundo ela, a mãe da colega e os homens invadiram a escola depois da briga e a agrediram.
“Eu discuti com uma colega na sala de aula e a gente acabou brigando dentro do colégio. [Ela] ligou para a mãe, aí invadiu a mãe dela e mais quatro homens dentro do colégio. Dois seguraram um colega que estava comigo e dois começaram a me agredir junto com ela. Me bateram. Eles [responsáveis pela escola] falaram que era para minha mãe tomar as providências dela”, relata a adolescente.
 
Segundo a diretora da unidade de ensino, Rosemary Nunes, a agressão aconteceu do lado de fora da escola e que a garota retornou para dentro da instituição após a agressão. Ainda segundo a diretora, os funcionários levaram a garota para os fundos do colégio e evitou que os familiares da outra menina continuassem agredindo ela.
De acordo com informações da TV Subaé, a garota teve o dedo quebrado e sofreu escoriações pelo corpo.
A mãe da vítima prestou queixas na delegacia, mas a estudante ainda vai passar por exames de corpo de delito. “Ela vai passar por cirurgia no dedo porque teve lesão e teve fratura”, conta a mãe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário