sexta-feira, 1 de junho de 2012

TRABALHADORES DA PIRELLI REALIZAM MANIFESTAÇÕES E OCUPAM BR 324

Cerca de 700 trabalhadores da empresa Pirelli, localizada na BR-324 em Feira de Santana, realizaram uma manifestação na manhã desta sexta-feira (1º). Eles fizeram uma caminhada onde percorreram do viaduto Portal do Sertão até a entrada da fábrica. Os manifestantes liberaram uma faixa da rodovia, mesmo assim um longo congestionamento se formou no sentido Feira-Salvador.
A principal reivindicação da categoria é o ganho real do salário e o tíquete refeição. O sindicalista, Florisvaldo Campos, disse ao Acorda Cidade que a empresa não aceita uma negociação com os funcionários e que por isso, eles resolveram fazer esta paralisação de advertência.
“A paralisação é por 24 horas, mas se a Pirelli não ceder, vamos paralisar por tempo indeterminado”, afirmou.
De acordo com Florisvaldo, o sindicato está com um problema jurídico e por isso não está podendo negociar. Ele conta que uma assembleia de aprovação de pauta foi realizada, onde os trabalhadores aprovaram que a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil e a Federação dos Trabalhadores de Borracha da Bahia, os representassem legalmente nas negociações.
“Fizemos um ofício, mas a Empresa não aceita negociar. Eles não aceitarem receber o ofício e nem a pauta para negociação. Nós queremos a abertura das negociações, a discussão da pauta e hoje vamos dar entrada dessa pauta no Ministério do Trabalho e Emprego de Feira de Santana e também no Ministério Público”, afirmou o sindicalista.
As informações são do repórter Paulo José do Acorda Cidade

Um comentário:

  1. sorte desses funcionarios que tem sindicato, pois os funcionarios da pirelli de campinas estao a deriva....

    ResponderExcluir