sábado, 26 de maio de 2012

RODOVIÁRIOS MANTÉM GREVE MESMO APÓS JULGAMENTO DO DISSÍDIO

Após o julgamento dos dissídios de greve envolvendo os rodoviários de Salvador e intermunicipais, os trabalhadores do setor decidiram, em assembleia realizada no ginásio de esportes do Sindicato dos Bancários na tarde desta sexta-feira (25), manter a paralisação da categoria por tempo indeterminado.
O dissídio dos rodoviários, realizado na sede do Tribunal Regional de Trabalho (TRT-5), estabeleceu o reajustede 7,5% nos salários e no tíquete alimentação, além do retorno do quinquênio, uma das principais pautas de reivindicação da categoria.
Em nota, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Setps) conclamou os trabalhadores rodoviários a retornarem imediatamente ao trabalho, “uma vez que, após o julgamento do dissídio coletivo nesta tarde, há o entendimento de que estão esgotadas as negociações referentes à campanha salarial 2012″. O sindicato patronal disse ainda que a decisão onera, “de forma insuportável”, os custos das empresas e afirmou que o custo da tarifa que era de R$ 2,96 sobe agora para R$3,04. (Correio)

Nenhum comentário:

Postar um comentário