domingo, 23 de outubro de 2011

KADHAFI MORREU VÍTIMA DE FERIMENTO PROVOCADO POR UM RIZ, DIZ AUTÓPSIA

Médico disse que laudo será entregue à investigação e não detalhou. Autópsia foi feita em Misrata; corpo será entregue à família, diz governo.
O ex-ditador líbio Muammar Kadhafi morreu vítima de um ferimento provocado por um tiro, disse neste domingo (23) o médico responsável pela autópsia do corpo do ex-líder à agência Reuters.
A autópsia foi realizada na cidade de Misrata, localizada a 200 quilômetros de Trípoli.
"Ele morreu por ferimento provocado por tiro. Isso é óbvio", disse o médico, que não revelou detalhes sobre como e onde foi o disparo, aparentemente realizado no lado esquerdo da cabeça de Kadhafi.
O médico falou que ainda há vários pontos a serem analisados e que a autópsia seria repassada aos investigados.
"Mas tudo será revelado publicamente. Nada vai ser escondido", disse.
Fathi Bashaga, porta-voz do Conselho Militar de Misrata, confirmou a autópsia, mas não falou sobre seus resultados.
"A autópsia foi feita esta manhã. Não estava prevista. Mas Trípoli nos pediu, e queremos fazer as coisas corretamente", disse à France Presse.
O governo provisório informou que o cadáver do ex-ditador será entregue à família, segundo anunciou neste domingo Ahmed Jibril, integrante do Conselho Nacional de Transição.
"Tomamos esta decisão de entregar a parentes, mas nenhum membro de sua família se apresentou até este momento", afirmou Jibril à agência AFP.
Vídeo
Um novo vídeo mostra Kadhafi sendo capturado pelas tropas do Conselho Nacional de Transição (CNT), na última quinta-feira.
As imagens violentas aumentam as suspeitas de que Kadhafi teria sido executado pelos inimigos.
No vídeo, o ex-ditador pede misericórdia enquanto recebe tapas e chutes e tem uma arma apontada contra sua cabeça.
Ele balbucia – em árabe – que aquele tipo de tratamento é proibido.
É possível ouvir claramente o barulho de tiros durante a cena.
Fonte: As informações são do G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário