quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

TRABALHO DE ENGENHEIRA AGRÔNOMA DO RECÔNCAVO É PREMIADO EM CONGRESSO LATINO-AMERICANO EM SOCIOLOGIA RURAL

 Com o intuito de debater questões como o fortalecimento da soberania alimentar, o controle dos recursos naturais, direitos e condições de vida dos agricultores e dos trabalhadores, aconteceu entre os dias 15 e 19 de novembro de 2010 em Porto de Galinhas-Pernambuco, o VIII Congresso Latino-Americano de Sociologia Rural com o tema “América Latina: realinhamentos políticos e projetos na disputa.”
Três trabalhos foram premiados na categoria destaque, sendo o trabalho apresentado por Lorena Maria Magalhães Rocha, Engenheira Agrônoma (UFRB), Especialista em Gestão Ambiental e Mestranda em Extensão Rural e Desenvolvimento Local (POSMEX) pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e Dayse Batista dos Santos, Engenheira Agrônoma (UFRB), Especialista em Gestão Ambiental, Mestre em Microbiologia Agrícola pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e Professora do Instituto Federal do Piauí (IFPI) o único representante brasileiro entre os premiados.
O trabalho apresentado foi “Políticas Públicas de Extensão Rural Agroecológicas em Cruz das Almas - Bahia: um passo para o desenvolvimento rural sustentável”.
O trabalho fala do Programa de Capacitação e Extensão Rural, com enfoque em sistemas agroecológicos de produção agrícola no município de Cruz das Almas (Projeto ATER), realizado nas comunidades da Tapera, Corta-Jaca, Cadete e Três Bocas. O diferencial deste projeto é a integração das diversas instituições, Ministério do Desenvolvimento Agrário, Embrapa, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Prefeitura, UFRB (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia) e ONG`s. O objetivo deste trabalho foi salientar a importância de Projetos de Políticas Públicas em Extensão Rural com foco agroecológico, visando o fortalecimento da agricultura familiar e a sustentabilidade ambiental.
Fonte: Assessoria de Comunicação IFPI,www.alasru.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário