sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

PREFEITO DE NOVA SOURE É CASSADO

De acordo com a sentença, proferida pelo juiz eleitoral Antônio de Pádua de Alencar, a campanha de 2008 do atual gestor pagou com numerário que não proveio da conta específica, recebeu doações de forma ilegal e ainda realizou doações de combustíveis a terceiros não integrantes da campanha.
O prefeito de Nova Soure, no nordeste baiano, José Arivaldo Soares (PTB), e seu vice, Antonio Carlos Correia, tiveram os mandatos cassados nesta sexta-feira (17). O segundo colocado nas últimas eleições, Agnaldo da Silva Fonseca (PV), assume o cargo.
De acordo com a sentença, proferida pelo juiz eleitoral Antônio de Pádua de Alencar, a campanha de 2008 do atual gestor pagou com numerário que não proveio da conta específica, recebeu doações de forma ilegal e ainda realizou doações de combustíveis a terceiros não integrantes da campanha.
Segundo o Código Eleitoral, quando os acionados obtiverem menos da metade dos votos válidos no pleito, a chapa que obteve a segunda maior votação assumi a administração. Na sentença, o magistrado determinou ao presidente da Câmara de Vereadores que cumpra a decisão, e emposse imediatamente, independentemente de norma regimental, os integrantes da chapa que obteve a segunda maior votação.
( As informações são do Bahia Notícias)

Nenhum comentário:

Postar um comentário