sábado, 22 de maio de 2010

DERLAN QUEIROZ EM DEFESA DOS GARIS

No último dia 16 de maio, comemorou-se o dia do GARI. O municipio de Governador Mangabeira já tem uma lei de número 009/2009 em que garante aos servidores municipais ponto facultativo, além de uma sessão especial na Câmara de Vereadores onde um dos servidores usa a Tribuna para fazer suas reivindicações.

O Out Door ao lado, foi uma forma que Derlan Queiroz achou para protestar contra o ato preconceituoso do Jornalista Boris Casoy. Na época gerou muita polêmica na imprensa baiana e muitos comentários aprovando a forma do protesto.
Segue abaixo comentários de alguns leitores que fazem o contra ponto no  BLOG DO VALENTE .
Opinião do Blog do Valente:
Tudo bem que todo mundo sabe que Borys errou feio, mas dai um secretário mandar fazer um outdoor para criticar um jornalista? Das duas uma: ou ele gosta muito de aparecer ou não tem com o que gastar dinheiro. Poderia fazer um outdoor com qualquer campanha educativa, contra o cigarro, trânsito, traria muito mais resultado do que criticar o óbvio. Talvez ele acredite que Borys vai perder a pouca audiência que lhe resta com essa campanha.
Opinião do Leitor Ricardo Assis:
Léo,
Surpreendente e tendenciosa a sua posição…
Segundo o seu raciocínio, o “jornalista” pode vir a denegrir a imagem de trabalhadores de limpeza ou de quem quer que seja, pedir uma pseudo desculpa e pronto! Aí está tudo resolvido?
Você chega ao ponto de questionar: …mas dai um secretário mandar fazer um outdoor para criticar um jornalista?
E porque não? Por acaso o jornalista está acima do bem e do mau? É ele uma espécie de dono da verdade que não pode ser criticado ou questionado?!
E quando você Léo, vem em seu blog, com as suas posições pre-definidas criticar políticos, médicos, policiais e tantos outros profissionais, por acaso alguém questiona se você pode ou não criticá-los?
É meu caro, percebo que o compadrio, o corporativismo e a proteção para com os profissionais da mesma área está em todos os meios, e no seu caso ficou evidente que vocês tomam para si erros de “gente grande da mídia”, talvez com medo de que num futuro os “pequenos da mídia” venham ser questionado também.
Louvávela atitude do Secretário de Govenador Mangabeira Derlan Queiroz… Se em cada cidade deste país tivéssemos secretários dígnos e com o mesmo porte cultural que ele, para que em cada município, um outdor dessa envergadura fosse confeccionado e empunhado na praça principal, com certeza, esses ditadores e hipócritas da grande mídia perceberiam que os mesmo são também pequenos mortais e que todos as pessoas, independentemente das suas profissões, merecem respeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário